Coronavírus: Sinpoljuspi pede a suspensão de visitas em presídios

5
Compartilhar

O Sindicato dos Policiais Penais do Estado do Piauí (Sinpoljuspi) solicitou a Sejus ( Secretaria de Justiça) a suspensão das visitas aos detentos que estão nas unidades prisionais do Piauí por conta do coronavírus. A solicitação foi encaminhada à Secretaria de Justiça, através de um ofício que aponta para os riscos de contágio da doença a partir das visitas de familiares e advogados aos presos.

No documento, o sindicato também ressalta o fato de o Sistema Prisional do Piauí comportar presos de Estados onde já existem casos confirmados do Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

“Que seja suspensa visitação a presos com a máxima urgência em todas as unidades prisionais do Estado do Piauí, por um período de no mínimo 30 dias, para posterior avaliação e evolução do Coronavírus, que tem avançado pelo Brasil, considerando principalmente que há no Sistema Prisional do Piauí presos oriundos de outros Estados em que há casos registrados”, explica.

A categoria ainda cobra que seja montando um plano de ação entre o governo do Estado e os municípios que possuem unidades prisionais e solicita aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).

Que seja providenciada a aquisição e disponibilização de Equipamentos de Proteção Individual(EPIs), vestimentas de proteção contra a pandemia e materiais necessários à prevenção de servidores, presos, e visitantes das Unidades Prisionais e na sede da Secretaria de Justiça tais como: máscaras, álcool gel, luvas, entre outros pertinentes”, diz um trecho do ofício, assinado pelo presidente do Sinpoljuspi, Kleiton Holanda.

Por meio de nota, a Secretaria de Justiça informou que ‘as visitas nas unidades penais seguem normalmente’. A pasta também reitera que ‘seguirá as recomendações do Ministério da Saúde e do Departamento Penitenciário Nacional quanto a situação do Coronavirus (Covid-19)’.

Da Redação

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *