Senador Arolde de Oliveira morre vítima da covid-19

0
Compartilhar

O senador Arolde de Oliveira (PSD-RJ) morreu nesta quarta-feira (21) em decorrência de uma falência múltipla dos órgãos causada por complicações da covid-19, segundo informado pela família por meio das redes sociais. Oliveira, de 83 anos, estava internado desde o último dia 4 em um hospital do Rio de Janeiro.

“Comunicamos que, nesta noite (dia 21 de outubro), o Senhor Jesus recolheu para si nosso amado irmão, senador Arolde de Oliveira. Falecido vítima de covid e, como consequência, a falência múltipla dos órgãos. A família agradece desde já todas as manifestações de carinho e orações recebidas todos estes dias”, diz a publicação.

Deputado federal por nove mandatos consecutivos, ele foi eleito senador em 2018 com 17% dos votos válidos, superando nomes tradicionais no Rio, como César Maia (DEM) e Lindbergh Farias (PT). Oliveira disputou as eleições na chapa do então candidato a governador, Índio da Costa (PSD), mas teve na família Bolsonaro o principal apoio para chegar ao Senado.

Evangélico e fundador de um grupo de comunicação especializado em música gospel, o senador nasceu no município de São Luiz Gonzaga, no Rio Grande do Sul. Foi integrante da Aman (Academia Militar das Agulhas Negras), no Rio de Janeiro, e se formou engenheiro pelo IME (Instituto Militar de Engenharia).

Entre as principais pautas defendidas pelo senador durante a campanha, estiveram a flexibilização do Estatuto do Desarmamento, a redução da maioridade penal, redução do número de parlamentares, o movimento “Escola Sem Partido” e posições contrárias à legalização do aborto e das drogas.

Fonte: Folhapress
Foto: Agência Senado

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *