Remdesivir é esperança dos EUA contra coronavírus

2
Compartilhar

Um estudo é patrocinado pelo Instituto de Saúde dos Estados Unidos revelou que Remdesivir, um antiviral, acelera o tempo de recuperação em 31% para pacientes com o novo coronavírus. Os EUA estudam permitir o uso emergencial da droga contra a Covid-19. O antiviral nunca foi pela Food and Drug Administration (FDA), orgão de vigilância sanitária equivalente à Anvisa no Brasil.

O presidente Donald Trump e o principal cientista de doenças infecciosas do governo federal, Anthony S. Fauci, comemoraram hoje os resultados iniciais dos testes com a droga. A esperança de que ela pudesse ajudar a conter o aumento do número de mortes nos EUA que nesta quarta-feira ultrapassou a marca de 60.000 pessoas.

Bolsas de valores no mundo todo reagiram positivamente ao anúncio, incluive o IBOVESPA no Brasil.

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *