Pato desencanta e Dani Alves conduz passeio do São Paulo contra o Oeste

5
Compartilhar

O São Paulo voltou a vencer depois de três rodadas no Campeonato Paulista ao derrubar o Oeste na tarde de hoje (22) na Arena Barueri. E o retorno das vitórias veio com grande estilo: show de Daniel Alves e fim da seca de gols de Alexandre Pato para construir a goleada por 4 a 0 pela sétima rodada do Estadual.

Com os dois tentos que marcou hoje, Dani disparou na artilharia do Tricolor na temporada com quatro gols. Já Pato voltou a balançar as redes depois depois de mais de seis meses —e logo em dose dupla. O último gol do atacante havia sido em clássico contra o Santos no Morumbi, em agosto do ano passado. Cuca ainda era o técnico são-paulino.

a próxima rodada, o São Paulo, agora com 12 pontos e de novo na liderança do Grupo C, volta a jogar como mandante no Morumbi para enfrentar a Ponte Preta. O duelo está marcado para as 16h do dia 1º de março. No dia 2, uma segunda-feira, o Oeste visita o Mirassol às 20h no estádio José Maria de Campos Maia.

Antony volta vendido e com nova camisa
Depois de ajudar a classificar a seleção brasileira para a Olimpíada de Tóquio e ser vendido para o Ajax, da Holanda, Antony voltou a jogar pelo São Paulo. O atacante estreou na temporada, deixando Pablo no banco, e também usou pela primeira vez a camisa 11, que era de Helinho. Como o companheiro está machucado, Antony ficou com a 11 em vez de usar a 17, como estava previsto no começo do ano. A atuação do garoto teve alguns bons momentos, mas no geral foi discreta.

Os melhores: Daniel Alves e Alexandre Pato
A dupla de astros foi decisiva para que o São Paulo tivesse uma vitória confortável e elástica pela primeira vez na temporada. Daniel Alves, apesar da camisa 10 nas costas, se acostumou perfeitamente a ser um 8 clássico, que carrega a bola da defesa para o ataque, coordena todos os movimentos do time e desperta temor nos adversários.

Foram dois gols e dezenas de intervenções para facilitar a saída de bola são-paulina ou complicar a do Oeste. O terceiro gol resume tudo. Dani roubou a bola no campo ofensivo, tocou rápido para Pato e se apresentou para concluir na área. Já o atacante, que custou a pegar na bola, sobrou em disposição, ganhou divididas com zagueiros e encerrou o jejum de mais de seis meses sem gols.

Fonte:Folhapress

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *