MPPI faz reunião para avaliar danos ambientais causados por construção de ponte

0
Compartilhar

O Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI) promoveu reunião com o prefeito de Novo Santo Antônio, Edgar Geraldo de Alencar Bona Miranda, com o representante da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Piaui (SEMAR/PI), Francisco Fábio Martins de Sousa, e com o secretário de Transportes do Estado do Piauí, Manoel Gustavo Costa de Aquino, para averiguar irregularidades e eventuais danos ambientais causados pela construção da ponte/passagem molhada sobre o Rio Sucuruju, na localidade de Jenipapeiro, no município de Novo Santo Antônio.

De acordo com o Ministério Público, o prefeito municipal afirmou que a conservação da ponte está em dia, e que, devido ao período de chuvas, o acesso à passagem molhada está impossibilitado. Por isso, os reparos serão realizados no período adequado. Além disso, o gestor garantiu estar disposto a colaborar com a supressão de possível dano ambiental, e afirmou que máquinas e equipe tática de apoio da Prefeitura estão à disposição, tendo iniciado a obra sob orientação da SEMAR/PI.

Uma vistoria foi agendada para junho de 2020, quando deverá ser realizada em conjunto com os órgãos competentes. O MPPI encaminhará ofício confirmando a realização da perícia, que deverá ser feita pela Coordenadoria de Perícias e Pareceres Técnicos (CPPT/MPPI) da instituição, a SEMAR e a Prefeitura de Novo Santo Antônio.

Da Redação
Com informações da Ascom

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *