Morre em Teresina Maria Divina

11
Compartilhar

Morreu nesta segunda-feira (30) Maria Divina, aos 93 anos, que marcou época vendendo pastel no estádio Lindolfo Monteiro. Começou suas vendas pelo Centro de Teresina, sendo que em seguida passou a comercializar pastel no Lindolfo Monteiro, ficando bastante conhecida pelos torcedores e pela imprensa esportiva.

Como estava vendendo pastel em todos os jogos no estádio, chamou atenção cronista esportiva Deusdeth Nunes, o Garrincha, que sempre a mencionava na sua coluna diária “Um Prego na Chuteira”, no Jornal O DIA, criando o bordão: “Com Maria Divina é assim… Comeu ! Pum ! Morreu”.

Maria Divina chegou a afirmar em entrevistas que se o Garrincha não tivesse criado o bordão, talvez teria sido uma anônima, como um pássaro migrante. Maria Divina já não vendia seus famosos pastéis no Lindolfo Monteiro por conta de problemas de saúde e pela idade avançada, sendo representada pela filha, Carmem, e pela neta, Cristina.

Como se definiu como um pássaro migrante, chegou o momento de Maria Divina dar adeus e partir para uma nova missão no plano espiritual. Vá com Deus, Maria Divina!

Da Redação

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *