Moro diz estar acostumado com fake news contra ele: ‘verdade acima de tudo’

8
Compartilhar

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, disse no Twitter que não se incomoda com companhas de fake news para desqualificá-lo e que sua preocupação é a “verdade acima de tudo”.

“Tenho visto uma campanha de fake news nas redes sociais e em grupos de whatsapp para me desqualificar. Não me preocupo; já passei por isso durante e depois da Lava Jato. Verdade acima de tudo. Fazer a coisa certa acima de todos”, escreveu.

Hoje, o filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o vereador carioca Carlos Bolsonaro (Republicanos), postou fotos antigas de Moro em encontros com as presenças do senador Aécio Neves e dos deputados federais Rodrigo Maia e Joice Hasselmann.

“Já que dizem que uma foto diz muito, espero destes acusadores, que valha para todos”, disse como legenda de duas fotos.

Moro1
Ex-ministro Sergio Moro vem sendo alvo da militância Bolsonarista

A primeira, a de um encontro de Moro com Aécio Neves – nas quais ainda aparecem o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin e o ex-presidente Michel Temer. A segunda, de um almoço com os deputados.

Vale lembrar que este almoço com Rodrigo Maia, realizado em 2019, foi organizado por Joice Hasselmann, que na época era líder do governo. Hoje ela é uma das principais críticas do governo Bolsonaro, sendo que o presidente da Câmara tem travado embates com o presidente nos últimos dias.

Outros perfis de apoiadores bolsonaristas também compartilharam a como forma de ataque a Sergio Moro, que deixou o cargo de ministro da Justiça e Segurança Pública no fim da manhã de sexta-feira.

No discurso, Moro fez acusações contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), argumentando que não poderia permanecer à frente da pasta sem autonomia depois exoneração do diretor-geral da PF, Maurício Valeixo.

Bolsonaro rebateu em um pronunciamento, e desde então os dois têm trocado farpas pelas redes sociais.

Fonte: Folhapress
Foto: José Cruz/Agência Brasil

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *