Grêmio decide rescindir contrato com Thiago Neves

0
Compartilhar

Thiago Neves estava perto de ativar essa cláusula com a participação em 20 jogos pelo clube. O meia foi relacionado para 17 partidas e entrou em campo em 14 na temporada, nove pelo Campeonato Gaúcho e cinco pelo Brasileirão, com um gol marcado.

A direção do Grêmio já discutia o assunto no Conselho de Administração, conforme revelou o vice de futebol Paulo Luz em entrevista coletiva. Procurado, o estafe de Thiago Neves afirmou que não ia se manifestar sobre os termos do contrato, em razão da confidencialidade.

A trajetória de Thiago Neves no Grêmio foi marcada por uma onda crescente de críticas da torcida, que chegou ao ápice após a derrota por 2 a 1 para o Sport, na Arena.

Bancado pelo técnico Renato Gaúcho, o meia começou como titular, mesmo com Jean Pyerre à disposição. Foi o maior finalizador do time, com cinco chutes, mas não empolgou.

Na entrevista após a derrota, Renato defendeu o jogador, citou um “massacre” da imprensa e comparou a situação de Thiago Neves com a de André, outro jogador que rescindiu com o Grêmio

— Thiago faz parte do grupo do Grêmio, já falei para vocês que vamos rodar um pouco o grupo para alguns buscarem ritmo de jogo e para a gente ver todos os jogadores tendo oportunidades. Foi primeira vez que começa depois da pandemia. Tem se dedicado e treinado bem, era a oportunidade dele começar — disse Renato.

Thiago Neves chegou ao Grêmio no início do ano junto com Diego Souza, com o aval de Renato. O técnico e o clube apostavam que ele poderia recuperar o bom futebol em Porto Alegre, após um 2019 turbulento pelo Cruzeiro, marcado pelo rebaixamento à Série B, polêmicas e disputa judicial. Não deu certo.

Fonte: globo.com
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *