Governo decreta luto oficial de três dias pela morte do empresário João Claudino

0
Compartilhar

O Governo do Estado do Piauí manifesta profundo pesar e decreta luto oficial de três dias pelo falecimento do empresário Joao Claudino Fernandes, ocorrido na manhã desta sexta-feira (24).

João Claudino tinha 90 anos de idade e estava à frente do Grupo Claudino, um dos maiores conglomerados empresariais do Brasil e do Piauí, incluindo loja de departamento, gráfica, shopping center, fábrica, transportadora.

O Grupo Claudino é um dos grandes contribuintes do Piauí, ajudando no desenvolvimento do Estado. A história do grupo no Piauí começou em 1968, quando os irmãos João e Valdeci Claudino, natural de Cajazeiras (PB), transferiram de Bacacal (MA) para Teresina a matriz do Armazém Paraíba.

A loja mudou conceitos no comércio local, realizando promoções, oferecendo facilidades e trazendo para a cidade as novidades dos grandes centros. O sucesso provocou uma demanda crescente por mais produtos e a abertura de novas lojas em outras cidades.

Carro-chefe do Grupo Claudino, o Armazém Paraíba é a quarta maior loja de departamentos do Brasil no ranking “300 Maiores Empresas do Varejo Brasileiro 2019”, organizado pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC).

João Claudino também foi um dos grandes entusiastas da cultura piauiense. Por meio de suas empresas, ele financiou a reforma de várias casas culturais do Estado, por meio da Lei de Incentivo Estadual à Cultura (Siec).

Neste momento de luto, o Governo do Estado do Piauí presta condolências aos familiares, amigos e à sociedade piauiense, que perde um dos grandes nomes de sua história.

Fonte: Ccom

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *