Governador prorroga decreto e anuncia flexibilização de setores da economia

3
Compartilhar

O governador Wellington Dias (PT)  reuniu a imprensa nesta segunda-feira (8) para explicar o adiamento da flexibilização das atividades não essenciais para o dia 22 de junho.

De acordo com o governador, as ações adotadas pelo governo serão chamandas de Pró- Piauí (Pacto pela Retomada Organizada), sendo que estão sendo tomadas em diálogo com os municípios e o governo federal.

“O programa prevê regras para dar passos pada frente ou para trás, como o nome já diz ela (retomada) precisa ser organizada. Teresina, por exemplo,  é um polo de saúde e como polo de saúde não atende só a Teresina. O prefeito tem tido essa a preocupação, que também é minha”, disse o governador.

O governo anunciou a flexibilização  dos setores da construção civil, concessionárias de veículos automotores, atividades econômicas de baixo impacto epidemiológico e serviços de saúde, como psicológicos, fisioterapia e terapia ocupacional.

De acordo com o governador, a transmissão do coronavírus está em queda e assim evitando o colapso na saúde.

“A transmissão do vírus em tendência de queda. A redução de colapso na capacidade hospitalar. Vamos trabalhar medidas como busca ativa para reduzir óbitos. Ainda tem muita gente com medo de ir a rede de saúde. Cometemos alguns erros como no sentido de proteger os profissionais de saúde, ficamos esperando o teste. Agora temos equipes de casa em casa para fazer o tratamento mais cedo”, explica.

O governador voltou a pedir que a população use máscara e mantenha a higienização das mãos.

“O uso de máscaras ainda é o principal meio de proteção. Não podemos relaxar. O simples ato de lavar as mãos. Esse dois são grandes resultados”, destacou.

Da Redação
Foto:Divulgação

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *