Flamengo joga mal, mas insiste e consegue virada no fim sobre a Portuguesa

0
Compartilhar

Sem inspiração nem torcida, o Flamengo jogou mal, mas venceu a Portuguesa neste sábado (14), pelo Campeonato Carioca, com direito a virada no fim. O placar de 2 a 1 foi justo pela insistência rubro-negra mesmo com a má atuação, mas o time de Jorge Jesus teve seu pior desempenho em campo em 2020 em um melancólico Maracanã, com portões fechados em função do coronavírus.

Os gols de Marcão (contra) e Arrascaeta, aos 44 e 45 minutos do segundo tempo, mostraram que mesmo com reservas e em uma noite ruim o Flamengo está mesmo um patamar acima das outras equipes no Estadual. Com armas para modificar o panorama que se desenhava desesperador no Maracanã, a equipe conquistou uma vitória inesperada pelas circunstâncias do jogo.

Arrascaeta vai mal, mas decide no fim
O uruguaio Arrascaeta esteve muito longe de suas melhores atuações, mas mostrou que craque decide mesmo quando tudo dá errado. Se jogava mal e errava no último passe na maioria das jogadas, o camisa 14 teve calma para receber, girar e virar o jogo aos 45 minutos do segundo tempo no Maracanã.

Portuguesa faz quase tudo certo
A cartilha para segurar o Flamengo foi seguida à risca pela Portuguesa: propôs jogo quando possível, recuou suas linhas no início dos dois tempos e abusou dos contra-ataques e ligações diretas nas costas dos zagueiros para tentar surpreender. A equipe jogava por uma bola, e ela veio quando Michael Douglas bateu com desvio para vencer César logo aos 12 minutos do segundo tempo.

Fonte: Folhapress
Foto: Divulgação/Rede social

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *