Flamengo domina o Athletico-PR e conquista a Supercopa do Brasil

1
Compartilhar

Se Jorge Jesus esperava dificuldade do time brasileiro que mais complicou o Flamengo em 2019, o talento dos jogadores de ataque rubro-negros fez com que o cenário fosse mais fácil na decisão da Supercopa do Brasil, realizada na manhã deste domingo (16). O Fla venceu o Athletico Paranaense por 3 a 0 e conquistou mais um título com o técnico português. Houve gritos de “olé” no Mané Garrincha (DF) nos minutos finais.

Agora, Jesus coleciona os troféus do Brasileiro, da Libertadores e o deste domingo pela equipe carioca. Bruno Henrique abriu o placar e Gabigol ampliou, ainda no primeiro tempo. Na etapa final, Arrascaeta fechou a conta.

Flamengo2

O Flamengo se concentra agora em outra decisão. Na próxima quarta-feira (19), o clube vai ao Equador enfrentar o Independiente del Valle, pela Recopa Sul-Americana. A taça do continente é decidida em partidas ida e volta. Já o Furacão, que utiliza o elenco sub-23 no Paranaense, recebe o Cascavel CR no sábado (22).

Gabigol deixa Fla perto da taça em 13 minutos
Um dos melhores em campo, Gabigol precisou de um intervalo de 13 minutos para deixar o Flamengo muito perto da taça da Supercopa do Brasil. O jogador era a principal arma ofensiva do time e dava muito trabalho para a defesa do Athletico-PR com e sem a bola.

Com ela nos pés, mostrava aquele faro de gol que a torcida se acostumou em 2019. E isso não significa apenas em balançar as redes, mas também servir os companheiros. E foi justamente isso que ocorreu. Aos 15 min, ele cruzou na medida para Bruno Henrique, de cabeça, vencer Santos e abrir o placar.

Gabigol

Bolsonaro marca presença na decisão
O presidente do Brasil Jair Bolsonaro (sem partido) esteve no Mané Garrincha neste domingo para acompanhar a final da Supercopa brasileira. Ele acompanhou o duelo ao lado de Rogério Caboclo, presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), e Sergio Moro, ministro da Justiça, e chegou ao estádio antes do jogo para acompanhar o show de Maiara e Maraisa.

Fonte: Folhapress
Imagem: Adriano Machado/Reuters

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *