Ex-ministro Aldo Rebelo critica recomendação do MP-PI de remover estátua de Alberto Silva: “Isso é inaceitável”

0
Compartilhar

O ex-ministro Aldo Rebelo se posicionou contrário neste domingo (6) à determinação do Ministério Público de remover a estátua do ex-governador Alberto Silva do canteiro central da Avenida Frei Serafim. O ex-ministro afirmou que esse ato é uma arbitrariedade do Ministério Público do Piauí.

“A recomendação do Ministério Público de remover a estátua do ex-governador, do ex-senador Alberto Silva de uma avenida de Teresina é uma indignidade, é inaceitável. Acho essa medida um insulto não a memória de Alberto Silva, mas a memória do Piauí. Alberto Silva foi um visionário, foi um homem respeitado no Brasil inteiro, não apenas como governador, mas como senador, como engenheiro, sendo que hoje ele não é personalidade física, política e nem jurídica. Alberto Silva é personagem da história”, explica.

O ex-ministro afirma que uma corporação como Ministério Público não tem o direito de insultar a memória do povo piauiense.

“Olha, uma corporação nova, adolescente. Uma corporação como Ministério Público não tem o direito de insultar a memória do povo piauiense. Alberto Silva já pertence a história do povo do Piauí. A história do povo do Piauí tem que ser protegida pela sociedade. Onde é que estão as instituições do estado para reclamar contra esse insulto a memória piauiense?”, questiona.

Alberto Silva
Estátua de Alberto Silva na avenida Frei Serafim

Conforme Aldo Rebelo, os sindicatos, o governo do Estado e demais instituições não podem aceitar essa insolência.

“Os sindicatos, o governo do estado, a prefeitura, a Câmara Municipal, a Assembleia nõ podem aceitar essa insolência de uma corporação que muitas vezes desconhece a memória e a história do estado. Não se pode aceitar isso, tem que enfrentar, tem que discutir. Porque hoje é Alberto Silva e amanhã é qualquer personalidade, qualquer construtor da história piauiense que pode ser vítima dessa arbitrariedade do Ministério Público. Acho isso inaceitável. Eu, de São Paulo, estou disposto a procurar outras pessoas pra que a memória do ex-governador Alberto Silva receba um desagravo de todos aqueles que admiraram todo seu patriotismo”, finaliza.

Orlando Dias
Da Redação

Postagens Relacionadas