Brasil empata com Uruguai em jogo de ‘frangos’ e se complica

0
Compartilhar

O Brasil se complicou na luta por uma vaga em Tóquio-2020. Em jogo com poucas oportunidades de gol nesta quinta-feira (6), em Bucaramanga, na Colômbia, a equipe de André Jardine ficou no 1 a 1 com o Uruguai em uma partida marcada por falhas dos dois goleiros no Pré-Olímpico.

No final, poucas chances de ambos os lados, e o placar só foi alterado por dois gols completamente defensáveis. Primeiro, Ivan aceitou chute de longe de Ugarte desviado em Bruno Fuchs e, depois, Arruabarrena colocou a bola para dentro de seu próprio gol após cabeçada de Pedrinho.

Agora, a seleção tem dois pontos e vai bastante pressionada para a última rodada diante da Argentina. A situação exata do time no quadrangular decisivo será conhecida mais tarde, após o confronto entre os argentinos e a Colômbia, marcado para 22h30 (de Brasília). Na primeira rodada, os argentinos venceram a Celeste por 3 a 2. Apenas os dois primeiros ficarão terão vaga olímpica.

O pior do Brasil: Ivan
Depois de ter sido um dos melhores da última partida contra a Colômbia, com duas defesas importantes, o goleiro da Ponte Preta falhou feio e só não viu o Brasil perder porque seu companheiro uruguaio de profissão devolveu o presente, em erro ainda mais bizarro.

O melhor do Brasil: Bruno Guimarães
O meio-campista não brilhou da forma que se acostumou em 2019 e até mesmo no início do Pré-Olímpico, mas seguiu buscando jogo, distribuindo as bolas e tentando desafogar o time brasileiro.

Fonte: Folhapress
Imagem: Luisa Gonzalez/Reuters

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *