Borussia Dortmund goleia Schalke por 4 a 0 na volta do Alemão

1
Compartilhar

O Campeonato Alemão ficou parado por dois meses, mas para o o Borussia Dortmund parece ter sido dois dias. A equipe aplicou uma goleada de 4 a zero no Schalke 04 na manhã deste sábado (16) em seu estádio, o Signal Iduna Park.

Erling Haaland, Raphael Guerreiro (duas vezes) e Thorgan Hazard marcaram para os donos da casa. A partida foi realizada com portões fechados e teve de seguir uma série de protocolos para evitar a contaminação pelo coronavírus.

Com a vitória, o Borussia vai a 54 pontos, um a menos que o líder Bayern de Munique, que vai a campo amanhã fora de casa contra o 12º colocado Union Berlim.

Só deu Borussia
Os donos da casa dominaram a partida do começo ao fim e deu poucas chances de reação ao Schalke. O primeiro gol foi marcado por Haaland aos 28 minutos de jogo. O jovem norueguês entrou por trás da zaga e só desviou para o gol bola cruzada da direita.

O segundo gol foi marcado no final do primeiro tempo. O goleirão do Schalke saiu mal, e o Borussia tomou a bola no meio de campo. Com dois toques na bola, o português Guerreiro recebeu de Brandt e entrou em velocidade na área para tocar na saída do goleiro.

O jogo mal tinha reiniciado quando o Borussia marcou o terceiro. A equipe da casa tomou bola no campo de defesa e saiu em rápido contra-ataque. Haaland lançou Brandt, que correu até a entrada da área e passou para Hazard chegar sozinho para tocar para o gol.

Aos 18 munitos da segunda etapa o Borussia fechou o placar novamente com Guerreiro. Após bela troca de passes no campo de ataque, o português tabelou com Haaland e saiu na cara do gol para marcar de perna esquerda.

Jogadores chegam de máscara
Por causa da ameaça de uma segunda onda da covid-19, a partida precisou seguir uma série de protocolos de segurança. Além da ausência de torcedores, os atletas e comissão técnica chegaram ao estádio usando máscaras.

Os jogadores também fizeram o reconhecimento do gramado de máscaras e só a tiraram quando a bola rolou. Quem ficou no banco de reservas teve de se sentar afastado um do outro e utilizar máscara.

Também não houve cumprimentos antes e depois da partida, e os jogadores tiveram de respeitar um distanciamento entre si nas comemorações e evitar os tradicionais abraços.

Fonte: Folhapress
Imagem: Reprodução/Twitter/Borussia Dortmund

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *