7 de abril: Dia do Jornalista

14
Compartilhar

O que significa hoje este profissional? O contrário do que as academias ensinam. Os guerreiros são capazes de dar a morte em favor de uma causa. O ensino hoje é praticamente voltado pra comunicar? Não necessariamente. O mundo está cheio de excelentes jornalistas. E o Brasil? Tem bons jornalistas. E o Estado do Piauí? Alguns. A turma do Sindicato continua forte, firme e aguerrida. Comemorar o dia do Jornalista significa tecer verdades. Todo bom Jornalista tem uma causa; é inconformado por natureza com a desigualdade social. Todo bom Jornalista coloca-se ao lado do fraco e oprimido!

Ocasião oportuna esta de escrever um Artigo sobre o nosso dia. Qual a maior qualidade hoje em um bom jornalista no Piauí? Possuir a grandeza de não censurar os próprios colegas; conseguir compreender e entender a opinião divergente; publicar muitas vezes aquilo em que não concorda com o que está escrito ou foi falado. E o que é ser um Jornalista bem sucedido? Não é possuir o melhor carro do ano; não é possuir o melhor apartamento na zona leste; não é possuir fontes apenas no seguimento político; não é viver nababescamente e ainda sorrir dos colegas idealistas; não é ter medo da morte! Quem se destaca no Jornalismo? Isso é fato e é em todo o mundo; quem se destaca são todos aqueles que encaram o sistema de frente; são aqueles que podem andar a pé e seguram uma causa até o fim da vida. Os Jornalistas são capazes de destruir sistemas corruptos e corrompidos; basta apenas querer e encontrar o espaço pra publicar o que não publicam.

OS JORNALISTAS são tão importantes que o VATICANO tem a secretaria mais organizada pra acolhê-los. OS JORNALISTAS são tão importantes e necessários que Dom Eugênio de Araújo Salles dizia que Jornalista não se convida pra almoçar, mas também não se recusa uma entrevista. E qual o sentido? Se chamar pra almoçar pode se tornar amigo e confundir a notícia; se recusar receber um telefonema ou entrevista pode virar inimigo pro resto da vida. E quem é doido de ter JORNALISTA INIMIGO? Mas todo mundo agora virou Jornalista? Não; não mesmo. Estamos falando de JORNALISTAS! A academia é importante. A velha guarda ler como ninguém; tem faro aguçado. 7 de abril é um grande dia e realmente merece ser comemorado. Qual a profissão que não existem aventureiros? Qual a profissão que não existe aqueles que já venderam a alma ao diabo? Qual a profissão que o DINHEIRO não faz estragos; ao ponto dos colegas entregarem os próprios colegas?

Toda profissão é importante. O JORNALISTA é uma pessoa já importante por sua própria natureza. O bom Jornalista não dorme; segue no front de batalha dia e noite. Mas os jornalistas perderam a importância? Enganam-se quem pensa assim. Nomes da categoria de Arimatéia Azevedo, Zózimo Tavares e Fenelon Rocha continuam com a mesma vivacidade do início de carreira. Já dizem Os Jesuítas: meu filho o mais do mesmo toda pessoa é capaz de fazer. Queremos ver é seres humanos capazes de dar a vida por uma causa. Em tempos de pandemia o que vale o dinheiro? NADA. Mesmo em tempos normais o que vale o dinheiro já perguntava Inácio de Loyola. NADA, NADA E NADA!

Parabéns a todos os JORNALISTAS que escolheram em TUDO AMAR E SERVIR. Qual o sentido da vida? O que de fato irá nos restar? Que DEUS esteja conosco!

Josenildo Melo foi estudante de Direito e Filosofia. É Bacharel em Serviço Social e Jornalista

Postagens Relacionadas
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *